Capa | Quem somos | Envie dicas | Contato
 
Destaques
 
jorge_capa2

6 meses, 55Kg menos, sem cirurgia ou (muito) sofrimento. O relato.

Quinta edição. Agradou veteranos e novatoss igualmeente.

Gen Con 2014, um retiro nerd com gostinho de quero mais

A iHome começou seu negócio produzindo dock stations e rádio-relógios para iPhones, e à medida que a demanda crescia, foi aumentando a variedade de aparelhos.

iHome iA100 é um dos últimos da família, e com um diferencial: foi o primeiro a aceitar tanto o iPad quanto o iPhone (e iPods).

É, basicamente, um rádio-relógio com dock e algumas funções extras como Bluetooth, controle remoto e boa potência (20watts RMS).

A qualidade sonora é muito boa. Não dá pra comparar com os docks da Bose, obviamente. E poderiam ser um pouco melhores pelo preço do aparelho (USD 200,00), mas estou sendo chato. Os graves tem bom destaque e, no geral, o sistema aguenta bem e sem distorções. Substitui um mini-system tranquilamente e até pode ser usado como sistema de som principal de um quarto ou escritório. O fato de ter conexão Bluetooth e entrada AUX ajuda MUITO neste aspecto.

O acabamento, como é típico da iHome, é bem caprichado e agrada. Boa composição e montagem, passa boa percepção de robustez. A telinha (LCD) é simples, mas tem todas as instruções necessárias – com destaque para os números do relógio, que são grandes de propósito – e possui vários níveis de iluminação, pra não incomodar durante o sono.

Os botões físicos do iA100 ficam todos no topo, de forma intuitiva e fácil de usar tanto para quem usa como rádio-relógio (botão snooze a um tapa de distância) como pra quem procura um mini-system.

Já o controle remoto não ajuda muito. É fininho e estiloso, mas os botões são todos iguais, sem iluminação, e todos enfileirados. Ou seja: É quase impossível de se usar no escuro, inclusive pra desligar o despertador caso o iA100 não fique na cabeceira.

Boa sorte com esse troço

Tirando isso tudo aí, o restante é bem padrão. Mas como a proposta do iA100 é ser usado com um iPad ou iPhone, é nos apps que o negócio fica mais interessante.

A iHome tem uns 3 ou 4 apps diferentes e gratuitos na AppStore. Alguns são básicos (e até obrigatórios) pra se usar no iA100, e regulam os alarmes, sintonias de rádio, etc. Alguns outros são mais frescos e, em tese, controlam horário e qualidade do sono, postam mensagens automaticamente no Facebook / Twitter dizendo que horas acordou/dormiu (!), mostram previsão do tempo, etc.

Que mais? Vamos direto pros finarmente.

PRÓS: 
- Belo design, acabamento, bem construído e robusto.
- Boa qualidade de som, sem distorções.
- Versátil, aceita tanto o iPad quanto o iPhone/iPod Touch (e carrega a bateria de ambos)
- Controle remoto sem fio
- Bluetooth
- Funções de rádio e despertador funcionam mesmo se você não tiver uma iCoisa (acredite, tem docks que não funcionam).
- Vários apps gratuitos (um ou dois são pagos) que adicionam recursos extras ao aparelho.
- Botão Time Sync, que sincroniza automaticamente o horário do iA100 com sua iCoisa.

CONTRAS: 
- Caso o iPad/iPhone não esteja acoplado, o iA100 só tem um som pra ser usado como despertador, e é horroroso. Dá pra usar o rádio como som, no entanto.
- Controle remoto poderia ser muito melhor. É inútil no escuro.
- Poderia suportar o iPad em modo paisagem (sim, estou sendo chato)

Custa cerca de U$ 200,00 lá fora. O povo do Mercado Livre vende por uns R$ 450-500. Caro, mas compensa mais do que esses docks da Philips, LG e Coby que são vendidos pelo mesmo preço aqui no Brasil.

Sr. Sobrenada, sobretudo, é publicitário, marqueteiro e tricolor, sim senhor. Crítico, cético, ácido. Imoral, ilegal e engorda.
Veja outros artigos por

No Comment.

Add Your Comment

Waze – O GPS Social
waze
POTE_2LT_SONHO_DE_VALSA
Sonho de Valsa Sorvete